fbpx
Conecte-se conosco

Trânsito

Uso de binário no Bairro Esplanada será liberado nesta quinta-feira

Publicado em

em

Prefeito Adiló Didomenico vistoriou as obras na manhã desta quarta-feira

O binário do Bairro Esplanada, entre a Avenida Bom Pastor e a Rua João Zambon, será liberado para utilização a partir das 8h desta quinta-feira (25/08). A construção do sistema ampliará a segurança viária do local, permitindo o fluxo de veículos e de pedestres com maior fluidez. As intervenções alterarão o sentido do tráfego das vias circundantes e cinco linhas do transporte coletivo terão os itinerários modificados. Nestes primeiros dias, a Fiscalização de Trânsito acompanhará o tráfego de veículos e prestará orientações aos condutores.

Nesta quarta-feira (24/08), o prefeito Adiló Didomenico e secretário de Trânsito, Alfonso Willenbring Júnior vistoriam as mudanças no local. “Esta obra vai melhorar o fluxo do trânsito na região. É um endereço que tem linhas de ônibus movimentadas e sabemos que pode existir certo desconforto aos moradores, mas estamos aqui ouvindo a população para minimizarmos o prejuízo que possa ser criado. Também temos que levar em conta o crescimento da cidade e que o interesse coletivo está em primeiro plano”, afirmou o prefeito. A obra, iniciada em junho de 2021, recebeu investimento de R$ 1.738.908,65.

Com a implantação do binário, o tráfego no sentido bairro/centro terá conversão obrigatória na Rua Alfredo Milani, com nova conversão à esquerda na João Zambon. A Avenida Bom Pastor, entre as ruas Ernesto Casara e Alfredo Milani, será de sentido único na direção centro/bairro. Novos semáforos e sinalização em todas as vias circulantes foram implantados por equipes da secretaria de Trânsito. A parada de ônibus localizada na Avenida Bom Pastor, entre as ruas Natal Rech e Antônio Rigotto, foi transferida para a João Zambon, entre as ruas Alfredo Milani e Antônio Rigotto.

O itinerário das linhas L26 – Bom Pastor, L67 – São Caetano, L68 – Gauchinha, L77 – Caravaggio e L85 – Nossa Senhora das Graças foi alterado no sentido bairro/centro. Os ônibus se deslocarão na Rua João Zambon, com acessos pelas ruas Alfredo Milani e Galezzo Paganelli.

A obra executada por servidores da Companhia de Desenvolvimento de Caxias inclui também implantação de redes de drenagem pluvial e pavimentação asfáltica, melhorias nos passeios públicos e rampas de acessibilidade. No documento anexo, podem ser visualizadas principais modificações nos sentidos de circulação de trânsito, alteração do ponto de ônibus e os cruzamentos que passam a ter semáforos.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Trânsito informa alterações no Transporte Coletivo

Publicado em

em

Mudanças ocorrem somente nesta sexta-feira (09/06)

A Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) comunica que o transporte coletivo público urbano operará com restrições de horários nesta sexta-feira (09/06), em virtude do feriado de Corpus Christi, comemorado na quinta-feira (08/06). A solicitação para redução da grade de horários partiu da concessionária e foi deferida pelos técnicos da SMTTM após análises. A queda abrange 3% da quilometragem diária da frota.

A SMTTM esclarece que o deferimento ao pedido ocorreu após análises técnicas comprovarem que há redução de passageiros, na proporção de 30%, nos dias úteis que caem entre um feriado e o final de semana. As grades dos horários de sexta-feira estão sendo atualizadas pela empresa e os usuários terão acesso às informações por meio do site da concessionária e do aplicativo Caxias Urbano. Estas mudanças terão impacto em 26 linhas do transporte coletivo.

Na tabela abaixo, você confere todos os horários que SERÃO RETIRADOS das grades normais, ou seja, os horários que não estarão disponíveis.

Continue lendo

Trânsito

Caxias está entre as prioridades de manutenção do DAER, afirma diretor

Publicado em

em

Prefeitura e governo do Estado estiveram reunidos para tratar de questões viárias do município

A vice-prefeita, Paula Ioris, e os secretários de Planejamento, Margarete Tomazini Bender, e de Trânsito, Transportes e Mobilidade, Alfonso Willenbring Júnior, estiveram na última quinta-feira (16.02) reunidos com o diretor do DAER, Luciano Faustino, em Porto Alegre, abordando questões viárias consideradas urgentes para Caxias. Na segunda metade da reunião, o secretário Estadual de Logística e Transportes, Juvir Costella, também esteve presente para tratar dos acessos ao aeroporto de Vila Oliva.

Na conversa, o grupo ouviu de Faustino que, com a concessão de diversos trechos das rodovias estaduais, o DAER poderá dar mais atenção a outras áreas, e Caxias é uma das prioridades. Com a retomada de investimentos pelo governo do Estado, a recuperação de estradas deverá receber um volume maior de recursos. Nos últimos dois anos foram investidos mais de R$ 500 milhões em todo RS.

“Na Serra, em termos de manutenção, nossos dois pontos prioritários são o trecho entre Caxias e Lajeado Grande, e o acesso a Caxias”, indicou. Esse segundo trecho é o que vai do Viaduto do Torto até a Rua Cremona.

Intersecções da Rota do Sol

As intersecções da RSC 453 (Rota do Sol) com a Avenida Atílio Andreazza, e com a Rua General Alexandre Simões dos Reis (conhecida como Travessão Leopoldina) foram apresentados como os dois principais gargalos em termos de segurança viária e riscos de acidentes.

“Essa segunda intersecção é o acesso ao bairro Serrano, e é hoje um dos pontos de maior risco de acidentes graves na cidade”, alertou o secretário Alfonso.

Para otimizar a mobilidade e a segurança viária nas duas áreas, o município tem projetos básicos iniciados, que foram apresentados na reunião. O material foi entregue para que a empresa contratada pelo DAER complemente os projetos. O estado e o município vão em busca de recursos para execução das obras.

Acesso a Caxias (RS 453 do Viaduto até a Rua Cremona)

Sobre o acesso a Caxias, é de responsabilidade do estado a sua conservação e manutenção dos canteiros e áreas de domínio. A reivindicação é de maior frequência nas roçadas. Coincidentemente, no dia da reunião a empresa terceirizada estava executando o trabalho na via, mas os intervalos entre uma roçada e outra precisam ser menores.

O fato de o trecho ter ficado de fora da concessão rodoviária, segundo a secretária Margarete, apresenta aspectos positivos.

“É um trecho integrado à malha viária da cidade, praticamente compondo o tecido urbano com fortes características de avenida coletora. A sua concessão poderia acarretar maiores dificuldades no que refere a licenciamentos de atividades e gestão do uso do solo ao longo desse trecho”, explicou.

Uma alternativa considerada na reunião foi a municipalização do trecho. No entanto, a condição seria que o estado implementasse as obras necessárias, como por exemplo o acesso secundário ao Desvio Rizzo.

Com a municipalização deste trecho rodoviário, que apresenta cinco quilômetros, o município assumiria a manutenção e poderia atuar no paisagismo ou outras qualificações urbanísticas. Esses tipos de ações não são de competência do DAER, que atua em manutenção e roçadas para resolver problemas de visibilidade e trafegabilidade.

“Mais do que ter uma roçada em dia, a entrada da cidade merece e deve estar bonita, ter um paisagismo compatível com o acesso ao centro da cidade”, explica a vice-prefeita Paula.

Se o trecho for municipalizado, também poderá entrar nos programas de adoção de áreas da cidade.

Acessos ao Aeroporto de Vila Oliva

Na segunda metade da reunião, o secretário Costella esteve presente para tratar dos acessos do aeroporto da Serra Gaúcha, em Vila Oliva. A pauta foi uma demanda do governador Eduardo Leite.

“O governador quer saber como o Estado pode auxiliar para que essa etapa avance”, resumiu.

Há três obras necessárias sobre as quais o município e o Estado já vêm negociando: 1) um trecho que liga São Marcos à Vila Seca; 2) acesso de Fazenda Souza na Rota do Sol, ao aeroporto; e 3) a estrada que liga o aeroporto a Gramado. Nesta última também é necessária, além de pavimentação, a construção de uma ponte sobre o Rio Caí.

Ficou acordado que uma reunião será realizada em Caxias, nos próximos dias, com os prefeitos envolvidos e o DAER, para avançar com as negociações, possivelmente na forma de convênio entre municípios e Estado, para que as obras sejam executadas.

Continue lendo

Geral

Secretaria de Trânsito alerta sobre prazos de vencimento do licenciamento

Publicado em

em

Emplacamentos com numerais finais de 1 a 5 têm data limite de pagamento nesta quinta-feira

A Prefeitura de Caxias do Sul informa, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM), que o prazo para o licenciamento de veículos com números de 1 a 5 no final das placas expira nesta quinta-feira (30/06). Caso o condutor seja flagrado com a irregularidade, são sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O artigo 230/V do Código de Trânsito Brasileiro aponta a infração como “gravíssima” e inclui medida administrativa de multa no valor de R$ 293,47.

Para se regularizar, o proprietário do veículo precisa verificar se o licenciamento do veículo já está aprovado no site do Detran/RS. Caso haja pendências financeiras é necessário se regularizar na rede bancária credenciada. A SMTTM lembra que o licenciamento inclui série de fatores, como a taxa de expedição e o IPVA, entre outros.

A SMTTM reforça aos condutores que prestem atenção quanto aos prazos de licenciamento de seus veículos, para evitar transtornos desnecessários. Se flagrado pela Fiscalização de Trânsito, o veículo com o licenciamento vencido também será removido ao depósito credenciado do Detran/RS.

Foto por Rodrigo Rossi

Continue lendo