fbpx
Conecte-se conosco

Geral

Novos integrantes do Comune tomam posse

Publicado em

em

Solenidade ocorreu no fim da tarde desta segunda-feira (13/11) no Salão Nobre do Centro Administrativo

O prefeito Adiló Didomenico deu posse nesta segunda-feira (13/11) aos novos integrantes do Conselho Municipal da Comunidade Negra (Comune), gestão 2024/2026.

O Comune é um órgão de assessoramento e fiscalização vinculado à estrutura da administração pública municipal e controlado pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Proteção Social (SMSPPS). Foi criado em 18 de agosto de 2004 pela lei municipal nº 6.264. Tem por objetivos formular diretrizes e promover atividades que visem à defesa dos direitos da comunidade negra e à eliminação das discriminações que a atingem, além de assessorar o poder Executivo emitindo pareceres e acompanhando a elaboração e execução de programas do governo nos âmbitos federal, estadual e municipal. O Comune também pode desenvolver estudos, debates e pesquisas relativas à problemática da comunidade negra.

O secretário de Segurança Pública e Proteção Social, Paulo Roberto Rosa da Silva, agradeceu aos integrantes da gestão anterior pelo comprometimento com o Conselho e desejou sucesso a nova gestão. “Dentro da diretoria de Proteção Social temos a Coordenadoria de Promoção de Igualdade Étnico-Racial que está sempre à disposição para fazer o melhor possível que nós pudermos junto à Secretaria de Segurança. É fundamental a participação de vocês como um todo, nas representações das secretarias e também da sociedade civil para juntos construirmos uma sociedade melhor”, disse o secretário.

O presidente da gestão 2019/2023, Antônio Jorge da Cunha agradeceu a todos pelo período em que esteve a frente do Comune e salientou a importância da criação de políticas públicas para atender as demandas da população. “O conselho procura fazer o que lhe cabe, estar presente com o poder público para atender as demandas de igualdade em todas as classes e raças”, disse Cunha.

A presidente do Comune gestão 2024/2026, Michele dos Santos Xavier disse em sua fala que é preciso muito diálogo para combater o racismo estrutural existente e o discurso de ódio contra as raças e religiões. “Espero que possa contribuir nessa gestão, construindo uma rede entre todos os movimentos pois sozinho a gente não faz nada. Vamos dialogar e muito para combatermos qualquer tipo de preconceito e intolerância, precisamos nos unir cada vez mais para termos os direitos de todos atendidos e sermos respeitados da forma que merecemos”, disse Michele.

O prefeito Adiló Didomenico ressaltou a importância da atuação do Conselho em prol da igualdade. “O Conselho precisa trabalhar muito forte contra o preconceito, infelizmente ainda precisamos lutar para que todos sejam respeitados independente da raça, credo e cor. Reforço que é de pequeno que se ensina o respeito ao ser humano, os pais precisam ter atenção no comportamento dos filhos e a escola é um bom caminho para combatermos esse dilema. Contem com o poder público para juntos combatermos qualquer tipo de preconceito que não é só com o negro, é com as religiões e com os imigrantes também”, disse o prefeito.

O Conselho é composto por 15 membros titulares e respectivos suplentes representantes de órgãos do governo municipal e de entidades da sociedade civil representantes da comunidade negra.

Representantes de Órgãos do Governo Municipal

Gabinete do Prefeito

Titular: José Moreira da Rosa

Suplentes: Bruna Roth e Ilva Santos da Cunha

Secretaria Municipal da Educação (Smed)

Titular: Lucila Guedes de Oliveira Suplente: Ana Carla Kukul

Secretaria Municipal da Cultura (SMC)

Titular: Felipe da Silva Vitória

Suplente: Susana Nery Moreira

Fundação de Assistência Social (FAS)

Titular: Samara de Oliveira Bristot

Suplente: Flávio Jeske

Secretaria Municipal da Habitação (SMH)

Titular: Luís Carlos Chaves Rocha

Suplente: Elias Veiga

Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel)

Titular: Francis Eduardo Cerutti Venturin

Suplente: Manoel de Meira Gois Sobrinho

Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico e Inovação (Sdei)

Titular: Silvio Cesar Tieppo

Suplente: Anderson Scapinelli

Entidades da Sociedade Civil

Associação Religiosa de Religião Afro-Brasileira

Titular: Johnson Marcos Carvalho

Suplente: Joseane Maino Carvalho Balardin

Grupos de Capoeira

Titular: Paulo Sérgio Nunes da Silva

Suplente: Luis Henrique Marques da Silva

Liga Carnavalesca

Titular: Leandro Velho

Suplente: Alberto Gonçalves

Movimento Negro Unificado (MNU)

Titular: Valtoir Pereira da Rosa

Suplente: Juçara de Quadros

União Nacional do Negro para a Igualdade (Unegro)

Titular: Antônio Jorge da Cunha

Suplente: Michele dos Santos Xavier

União das Associações de Bairros (UAB)

Titular: Antônio Carlos Santos

Suplente: Stephanie Ferreira Barbosa

Sociedade Recreativa e Cultural Gaúcho

Titular: Cleberton de Aguiar Ribeiro

Suplente: Júlio César Gilbert

Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) – Subsecção Caxias do Sul

Titular: Fernanda Mazzochi

Suplente: Tamires Spigosso

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Coordenadoria de Promoção da Igualdade Étnico-Racial apoia a realização do Prêmio Teixeira Nunes

Publicado em

em

A Coordenadoria de Promoção da Igualdade Étnico-Racial (SMSPPS) é apoiadora da homenagem aos vencedores do Prêmio Teixeira Nunes, promovido pelo Conselho da Comunidade Negra de Caxias do Sul (COMUNE). O evento ocorre neste sábado, às 14h, no Plenário da Câmara de Vereadores de Caxias do Sul. O Grupo Mulheres do Brasil e a empresa Destake Placas e Letreiros também são apoiadoras do evento.

O Prêmio Teixeira Nunes foi idealizado pela atual gestão do COMUNE com o intuito que a própria comunidade negra caxiense fizesse a indicação de pessoas que fazem da luta antirracista uma pauta diária em suas vidas. Com isso, duas pessoas foram indicadas e votadas pela rede social do COMUNE para receber o Prêmio Teixeira Nunes 2024: o professor Fernando Silva e a estilista Jaqueline Silva.

Continue lendo

Geral

‘Escola do Amanhã’ forma mais de 60 alunos no primeiro semestre em Caxias do Sul

Publicado em

em

Projeto que conta com a parceria da Prefeitura do Município, atende alunos da rede municipal de forma gratuita, entre 14 e 16 anos, e tem o objetivo de preparar jovens para o mercado de trabalho no setor da indústria

Mais de 60 alunos que integraram três turmas do curso de programação básica para a robótica do projeto Escola do Amanhã, se formaram nesta quarta-feira (19.06). Realizado pelo Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul e Região (Simecs), o projeto também conta com a parceria da Prefeitura do Município, através da Secretaria Municipal da Educação (SMED), do Senai e do Sicredi.

“Nós somos uma cidade pujante. Muitas pessoas vêm morar na nossa cidade pelo emprego que ela gera. Mas a gente sempre tem o desafio da preparação das pessoas para o mercado de trabalho, e a preparação via Senai é muito qualificada. Esse conjunto de parcerias que nós temos aqui é muito qualificado”, enalteceu a vice-prefeita Paula Ioris, ao falar sobre as oportunidades que Caxias do Sul oferece aos jovens.

Escola do Amanhã

O projeto atende alunos da rede municipal de forma gratuita, entre 14 e 16 anos, e tem o objetivo de preparar jovens para o mercado de trabalho no setor da indústria. Durante as aulas os aprendizes entraram em contato com conceitos básicos da área e realizam atividades como: projetar, fabricar, programar, construir e implementar soluções; conhecem as partes de um robô e usam instrumentos de medição profissionais.

Novas turmas da Escola do Amanhã serão abertas ainda para o segundo semestre de 2024.

Continue lendo

Geral

Com articulação da deputada federal Denise Pessôa, ANAC autoriza voos internacionais no aeroporto de Caxias

Publicado em

em

    Caxias do Sul pode receber voos internacionais a partir desta terça-feira (18), após a publicação de portaria da Agência Nacional da Aviação Civil (ANAC). A homologação permite que o Hugo Cantergiani se torne um terminal internacional. Essa demanda atende a solicitação feita por ofício pela deputada federal Denise Pessôa (PT/RS) ao Ministério de Porto e Aeroportos e ao do Turismo, durante reunião em 22 de maio.

    Naquela ocasião, a parlamentar lembrou aos ministros que o Juventude, Internacional e Grêmio também solicitaram a internacionalização devido as dificuldades logísticas para participar das competições esportivas. A internacionalização é necessária, diante da crise climática que atinge o Rio Grande do Sul, e deixou o Salgado Filho, em Porto Alegre debaixo da água. 

    “Temos o projeto do aeroporto de Vila Oliva, mas nesse momento internacionalizar o Hugo Cantergiani é uma alternativa para que a gente não volte a ficar refém apenas de um aeroporto internacional mais próximo da Serra, como estamos neste momento”, explica a deputada.

    Denise ressalta ainda que o aeroporto de Caxias do Sul é estratégico e tem sido fundamental ao estado, sendo que essa “medida vai auxiliar o turismo e alavancar ainda mais a economia e o desenvolvimento da Serra”.

    A internacionalização tem prazo até 31 de dezembro de 2024.

Sistema para melhorar pousos

    ​A deputada também teve forte articulação para melhorias no aeroporto Hugo Cantergiani. Denise conversou com o ministro de Portos e Aeroportos, Sílvio Costa Filho,  em 4 de junho, sobre a instalação de um novo sistema RNP-AR. O equipamento que já está em funcionamento tornará os voos mais eficientes, reduzindo cancelamentos devido a neblina. 

Confira o que diz a portaria n⁰ 14.831​

    A princípio, a internacionalização engloba serviços aéreos privados ou aéreos públicos não regulares de passageiros.

    A internacionalização favorece embarque e desembarques de passageiros de aeronaves transportando delegações dos jogos internacionais da Libertadores e da Copa Sul Americana” de futebol, mediante o agendamento de no mínimo 48 (quarenta e oito) horas.

Continue lendo