fbpx
Conecte-se conosco

Geral

Centro Integrado de Segurança Pública é apresentado aos órgãos de segurança de Caxias do Sul

Publicado em

em

Secretário de Segurança Pública e Proteção Social, Paulo Roberto Rosa da Silva, detalhou o projeto e conduziu a visita ao espaço físico localizado na Rua Marechal Floriano

Os órgãos de segurança do município, Polícia Civil, Brigada Militar, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Susepe, Secretaria de Trânsito Transporte e Mobilidade, Guarda Municipal e os vereadores integrantes da Comissão de Segurança Pública e Proteção Social da Câmara de Vereadores, acompanhados do presidente do legislativo, Zé Dambrós, puderam conhecer nesta quinta-feira (16/02), o projeto do Centro Integrado de Segurança Pública de Caxias do Sul, que está em fase de obras com previsão de entrega em junho deste ano. O detalhamento ocorreu no Salão Nobre da prefeitura e após todos se deslocaram ao espaço para conhecer o local.

O espaço fica localizado em um raio de 1km da Praça Dante Alighieri, centro da cidade e possui características físicas específicas para operar. A planta da sala possui pé direito de mais de 3m de altura, para comportar os monitores de vídeo que irão mostrar as imagens captadas pelas câmeras de segurança do cercamento eletrônico que entrará em funcionamento após a entrega das obras e cuja licitação para aquisição dos equipamentos está em processo de conclusão.

Serão cinco salas sendo administrativas, de reuniões, de crise, de aula para 40 pessoas e espaços de estrutura física eletrônica com segurança, além de vestiários, banheiros, cozinha e garagem para os veículos de segurança. Uma sala para atendimento do fone 190 da Brigada Militar também integra projeto e salas específicas para demais órgãos de segurança para uso de operações. O acesso ao prédio será feito por biometria e reconhecimento facial, só entrando no local os servidores e policiais autorizados. O prédio possui acessibilidade, conforme previsto em lei.

O sistema de Cercamento Eletrônico, Videomonitoramento e Fiscalização Eletrônica de Trânsito e Central de Operações vai contar com 15 estações de trabalho, com 10 painéis de vídeo. O videomonitoramento será realizado por 150 câmeras fixas e 51 câmeras Speed Dome, que são câmeras de segurança diferenciadas e de alta performance para monitoramento a grandes distâncias

que captam e processam imagens de alta qualidade para locais que necessitem de clareza e riqueza de detalhes. Para o cercamento eletrônico, serão 40 faixas LPR, (sistema de captura de imagem e reconhecimento da placa de veículos). A Fiscalização Eletrônica de Trânsito utilizará 34 faixas cercamento eletrônico LPR, mais radares e lombadas eletrônicas conforme necessidade. Totalizando os 275 pontos de controle monitorado. O vídeo monitoramento só filma e grava, o cercamento eletrônico são as câmeras que possuem sistema analítico, que lêem placas de veículos e fazem reconhecimento facial.

Segundo o secretário de Segurança Pública e Proteção Social, Paulo Roberto Rosa da Silva, o processo de implantação está seguindo os trâmites legais e dentro dos prazos propostos. “Não poderíamos montar o cercamento eletrônico sem ter antes o espaço para montar o centro. A empresa que vencer a licitação vai ser a responsável pela implantação de todos os equipamentos bem como as 275 câmeras de vídeo que serão instaladas na cidade”, disse o secretário.

Segundo o prefeito Adiló Didomenico, a localização do espaço e das câmeras foi indicação dos órgãos de segurança. “A participação neste processo de implantação do centro teve o envolvimento de todos os que trabalham pela segurança dos caxienses e dos que visitam nossa cidade. Estamos cumprindo com o que propusemos em nosso plano de governo. Sabemos que o processo é extremamente burocrático, mas teremos em Caxias do Sul um sistema de monitoramento de primeiro mundo”, disse o prefeito.

Centro Integrado de Segurança Pública

Foto por Rodrigo Rossi

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Coordenadoria de Promoção da Igualdade Étnico-Racial apoia a realização do Prêmio Teixeira Nunes

Publicado em

em

A Coordenadoria de Promoção da Igualdade Étnico-Racial (SMSPPS) é apoiadora da homenagem aos vencedores do Prêmio Teixeira Nunes, promovido pelo Conselho da Comunidade Negra de Caxias do Sul (COMUNE). O evento ocorre neste sábado, às 14h, no Plenário da Câmara de Vereadores de Caxias do Sul. O Grupo Mulheres do Brasil e a empresa Destake Placas e Letreiros também são apoiadoras do evento.

O Prêmio Teixeira Nunes foi idealizado pela atual gestão do COMUNE com o intuito que a própria comunidade negra caxiense fizesse a indicação de pessoas que fazem da luta antirracista uma pauta diária em suas vidas. Com isso, duas pessoas foram indicadas e votadas pela rede social do COMUNE para receber o Prêmio Teixeira Nunes 2024: o professor Fernando Silva e a estilista Jaqueline Silva.

Continue lendo

Geral

‘Escola do Amanhã’ forma mais de 60 alunos no primeiro semestre em Caxias do Sul

Publicado em

em

Projeto que conta com a parceria da Prefeitura do Município, atende alunos da rede municipal de forma gratuita, entre 14 e 16 anos, e tem o objetivo de preparar jovens para o mercado de trabalho no setor da indústria

Mais de 60 alunos que integraram três turmas do curso de programação básica para a robótica do projeto Escola do Amanhã, se formaram nesta quarta-feira (19.06). Realizado pelo Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul e Região (Simecs), o projeto também conta com a parceria da Prefeitura do Município, através da Secretaria Municipal da Educação (SMED), do Senai e do Sicredi.

“Nós somos uma cidade pujante. Muitas pessoas vêm morar na nossa cidade pelo emprego que ela gera. Mas a gente sempre tem o desafio da preparação das pessoas para o mercado de trabalho, e a preparação via Senai é muito qualificada. Esse conjunto de parcerias que nós temos aqui é muito qualificado”, enalteceu a vice-prefeita Paula Ioris, ao falar sobre as oportunidades que Caxias do Sul oferece aos jovens.

Escola do Amanhã

O projeto atende alunos da rede municipal de forma gratuita, entre 14 e 16 anos, e tem o objetivo de preparar jovens para o mercado de trabalho no setor da indústria. Durante as aulas os aprendizes entraram em contato com conceitos básicos da área e realizam atividades como: projetar, fabricar, programar, construir e implementar soluções; conhecem as partes de um robô e usam instrumentos de medição profissionais.

Novas turmas da Escola do Amanhã serão abertas ainda para o segundo semestre de 2024.

Continue lendo

Geral

Com articulação da deputada federal Denise Pessôa, ANAC autoriza voos internacionais no aeroporto de Caxias

Publicado em

em

    Caxias do Sul pode receber voos internacionais a partir desta terça-feira (18), após a publicação de portaria da Agência Nacional da Aviação Civil (ANAC). A homologação permite que o Hugo Cantergiani se torne um terminal internacional. Essa demanda atende a solicitação feita por ofício pela deputada federal Denise Pessôa (PT/RS) ao Ministério de Porto e Aeroportos e ao do Turismo, durante reunião em 22 de maio.

    Naquela ocasião, a parlamentar lembrou aos ministros que o Juventude, Internacional e Grêmio também solicitaram a internacionalização devido as dificuldades logísticas para participar das competições esportivas. A internacionalização é necessária, diante da crise climática que atinge o Rio Grande do Sul, e deixou o Salgado Filho, em Porto Alegre debaixo da água. 

    “Temos o projeto do aeroporto de Vila Oliva, mas nesse momento internacionalizar o Hugo Cantergiani é uma alternativa para que a gente não volte a ficar refém apenas de um aeroporto internacional mais próximo da Serra, como estamos neste momento”, explica a deputada.

    Denise ressalta ainda que o aeroporto de Caxias do Sul é estratégico e tem sido fundamental ao estado, sendo que essa “medida vai auxiliar o turismo e alavancar ainda mais a economia e o desenvolvimento da Serra”.

    A internacionalização tem prazo até 31 de dezembro de 2024.

Sistema para melhorar pousos

    ​A deputada também teve forte articulação para melhorias no aeroporto Hugo Cantergiani. Denise conversou com o ministro de Portos e Aeroportos, Sílvio Costa Filho,  em 4 de junho, sobre a instalação de um novo sistema RNP-AR. O equipamento que já está em funcionamento tornará os voos mais eficientes, reduzindo cancelamentos devido a neblina. 

Confira o que diz a portaria n⁰ 14.831​

    A princípio, a internacionalização engloba serviços aéreos privados ou aéreos públicos não regulares de passageiros.

    A internacionalização favorece embarque e desembarques de passageiros de aeronaves transportando delegações dos jogos internacionais da Libertadores e da Copa Sul Americana” de futebol, mediante o agendamento de no mínimo 48 (quarenta e oito) horas.

Continue lendo